Hoje, 05 de junho, é celebrado o ‘Dia Mundial do Meio Ambiente’. Este marco foi inaugurado nesta mesma data em 1972, na ocasião da primeira ‘Conferência das Nações Unidas’, em Estocolmo (Suécia).

A data tem como objetivos a promoção de ações voltadas para a proteção e a preservação do meio ambiente e a conscientização da sociedade e governo, em esfera mundial, sobre a importância do cuidado com a natureza. Pensando nisso, a Go Tour selecionou 03 destinos perfeitos para curtir e se conectar com a natureza.

 

 

1- Bonito, Brasil
 
A região conta com uma alta variedade de atrações para quem gosta de aventura, belas paisagens e contato próximo com a natureza. Bonito fica no Mato Grosso do Sul, a 265 km da capital Campo Grande. O local ainda conta com lindas cachoeiras, que convidam os turistas a tomarem um banho refrescante, além de corredeiras para prática de rafting e mergulho em cavernas submersas.

 

Resultado de imagem para bonito

 

2- Galápagos, Equador

Formado por 58 ilhas vulcâncias, o arquipélago de Galápagos, inspirou o cientista Charles Darwin a fundamentar, no século XIX, sua teoria da evolução. A vida selvagem abundante atraem ecoturistas de todo o mundo, o local tem uma fauna única, produto de séculos de evolução e isolamento.

 

Resultado de imagem para galápagos

 

3- Cratera de Ngorongoro, Tanzânia
 
O Ngorongoro é um vulcão extinto da Tanzânia, de bordas altas e profundas. O local é conhecido como “A Arca de Noé”, devido à grande variedade e quantidade de animais que vivem dentro do vulcão extinto. Acredita-se que quase todas as espécies de animais da África aparecem aí representadas, num ecossistema pouco afetado pelo homem.

Resultado de imagem para Cratera de Ngorongoro

Começar o dia com um cafezinho é sempre uma boa pedida, ainda mais se ele tiver um desenho simpático para deixar o momento ainda mais fofo e agradável. A técnica conhecida como Latte Art utiliza dois métodos o free pour, ou pouring, quando o barista cria formas a partir da maneira com que derrama o leite sobre a xícara; e o sketching, ou grafismo, que usa calda e palitos para os desenhos.

 

Resultado de imagem para Latte Art
 

 

O Carrera Café, fica em West Hollywood em Los Angeles. Além de ser um local super descolado com sanduíches italianos, saladas, uma incrível variedade de donuts o Latte Art praticado do local é de ficar boquiaberto. Eles utilizam uma maquina que simplesmente imprime QUALQUER imagem enviado pelo aplicativo do café.

 

 

Você pode usar fotos já pré existentes ou enviar uma foto sua, do seu pet … o que realmente quiser. É só colocar a criatividade e aproveitar um delicioso café.

London é a 11ª maior cidade do Canadá, e fica bem no meio do caminho entre Toronto e Detroit, nos Estados Unidos. De fácil acesso por ar ou trem, London tem uma rica vida cultural, além de uma economia forte, puxada por um grande parque de indústrias e por seu vibrante comércio.

 

Por conta desta economia bastante ativa, há uma grande demanda por trabalhadores qualificados, produtivos e integrados. É justamente aqui que se encaixa o Fanshawe College, cujo campus principal fica em London. Apenas os campus de London atendem a cerca de 25 mil alunos, sendo aproximadamente 5 mil alunos internacionais.

 

O Fanshawe College oferece formação em mais de 200 programas diferentes – vai ser difícil você não encontrar aqui o curso que está procurando.

 

A primeira parada da Jéssica e da Daniela foi o campus que fica no centro da cidade (Campus Downtown) – o Centre for Digital and Performance Arts. A localização é estratégica: fica bem em frente ao mercado central da cidade. Quem recebeu a Go Tour foi a Michelle Giroux, que é a pessoa responsável pelo campus. Ela conhece a todos os alunos, se interessa como estão se saindo nos estudos e nas provas, e atenciosa, e os acolhe com uma atmosfera muito amigável.

 

A Michelle contou algumas coisas bem interessantes – você sabia que no Canadá, 50% dos alunos que terminam uma universidade acabam cursando um college depois? Ela nos explicou que os estudantes de universidade recebem uma formação extremamente acadêmica, e acabam sentindo falta de uma formação que os prepare para o dia-a-dia do mercado de trabalho. Ela também nos disse que o Fanshawe College está em pleno crescimento, e deve em breve abrir, em setembro deste ano, um campus novinho, dedicado para os cursos de Hospitalidade.

 

Neste campus do centro, a Jéssica e a Daniela puderam observar um pouco dos trabalhos dos alunos de Design, Information Technology, Digital Media e outros. A estrutura oferecida aos alunos é excelente, com laboratórios exclusivos de computadores Mac e outros exclusivos de PCs.

 

A Fanshawe tem um curso bem legal: Game Design – Advanced Diploma. Desde o princípio do curso os alunos trabalham com o desenvolvimento de games, e o college intermedia apresentações dos trabalhos desenvolvidos pelos graduandos às empresas mais importantes deste mercado. Durante esta visita, os alunos que estão se formando estavam se preparando para apresentar seu game para os empresários da Ubisoft – uma das empresas de game mais famosas do mundo.

 

Aliás, promover esta conexão entre os alunos e o mercado de trabalho é uma das grandes qualidades da Fanshawe. Muitos profissionais já estabelecidos no mercado e grandes empresas vêm ao college para conhecer e acompanhar o trabalho desenvolvido pelos alunos – como os figurinos produzidos pelos alunos do curso de Fashion para as peças de teatro realizadas na cidade. Muitas destas oportunidades de colocação no mercado surgem em feiras promovidas periodicamente pelo college.

 

A cidade de London mantém um site com uma lista dos principais empregadores e vagas de trabalho disponíveis. Se tiver a curiosidade, confira em  https://www.ledc.com/tech-jobs.

 

Depois de visitar o Campus Downtown, as meninas da Go Tour seguiram para o Z Campus, que concentra os cursos de Transportation and Technology, e foram recebidas pelo Carl Mendonça – profissional com mais de 30 anos de experiência no mercado de trabalho, e contratado pela Fanshawe para trazer toda essa experiência para o college.

 

Os alunos aprendem mecânica com os modelos de carros, caminhões e tratores mais atuais do mercado, doados por empresas como GM, KIA, John Deere, Mustang, Honda, entre outras – e aprendem a montar, consertar e reformar motores, em uma grande variedade de modelos. E tudo em um ambiente extremamente limpo e organizado. A Jéssica e a Daniela não resistiram e foram conhecer de perto os caminhões e tratores.

 

Então foi a vez de conhecer o Aviation Campus, que fica dentro do aeroporto de London. O hangar do college foi cedido por uma antiga companhia aérea, e ali funcionam os programas de Maintenance and Avionics. O Kelly Moffat as guiou pelo campus e mostrou o trabalho dos alunos, que têm a disposição uma grande quantidade de aeronaves, de diversos modelos e tamanhos, incluindo um Boeing 737.

 

Para finalizar a visita, Nelson Melgar conduziu a Daniela e a Jéssica pelo campus principal da Fanshawe de London, onde fica o restaurante totalmente operado pelos alunos dos programas de Hospitalidade- o restaurante é lindo, o atendimento impecável e a comida excelente. Elas conferiram também, neste campus, as estruturas dos programas de Health, Business and Marketing, Human Resources, Construction Technology, Engineering, Fashion Design, Game Design, Graphic Design, e o centro de apoio para os estudantes internacionais.

 

São vários os espaços de alimentação espalhados pelo college, e há laboratórios de praticamente tudo – carpintaria, eletrônica, música, estação de rádio, estação de TV e muitos outros. E para colocar a cereja no bolo, atravessando a rua está a acomodação para os estudantes – assim, pertinho, confortável e super conveniente!

 

Sem sombra de dúvidas, a Fanshawe é uma opção completa para quem está buscando um curso superior no Canadá.

 

Ficou interessado? A Go Tour leva você!

Um dos laboratórios de informática do college

Figurinos de teatro desenvolvidos pelos alunos

O charmoso mercado central fica logo em frente ao campus

As grandes montadoras fornecem carros, tratores e caminhões para as aulas práticas dos alunos.

Impressionante o tamanho dos caminhões…

…e também dos tratores – a Dani não resistiu e foi conferir de perto!

No Aviation Camp tem vários modelos de aviões e helicópteros.

 

Equipamento do Aviation Campus

Um dos muitos laboratórios

Estúdio

Cozinha industrial do campus principal, totalmente operado pelos alunos

Todo o restaurante é operado pelos alunos dos cursos de Hospitalidade.

Centro de apoio aos estudantes internacionais

 

Muitos alunos conhecem o Lambton College de Toronto, mas não sabem que o seu campus principal está na cidade de Sarnia, na província de Ontario.

 

Sarnia está situada às margens do Lake Huron, na fronteira com os Estados Unidos. É conhecida sobretudo por aliar uma alta qualidade de vida a excelentes oportunidades de trabalho, pois é sede de várias multinacionais do setor petroquímico, como Shell, Akzo Nobel, Imperial Oil, Nova, SNC Lavalin e British Petroleum, por exemplo. O parque industrial de Sarnia concentra 40% das indústrias Química, Plásticos e Borracha do Canadá.

 

Embora seja pequena, com cerca de 75 mil habitantes, a cidade oferece todas as comodidades da cidade grande, além de contato próximo com uma natureza exuberante e lindas paisagens.

 

Sarnia tem excelentes escolas e hospitais, rica vida cultural, um inverno mais ameno e muitas opções de lazer – tudo isso com a facilidade de locomoção e custos de vida mais baixos do que nas grandes metrópoles. É só comparar, por exemplo, os gastos com transporte público: em Sarnia, os estudantes gastam 170 dólares pelo período de 4 meses (school term), enquanto que em Toronto o passe mensal custa 120 dólares.

 

Para quem quer estudar no Canadá com planos de se estabelecer no país, Sarnia é um bom lugar para começar. Além do custo de vida menor, que faz muita diferença para quem está chegando, é fácil encontrar um trabalho de meio-período para incrementar o orçamento durante o período de estudos. Isto acontece porque há uma considerável população de aposentados, atraída pelo clima menos frio e excelente infraestrutura da cidade, e que movimenta o setor de serviços e comércio.

 

O Lambton College é o único college público de Sarnia, e trabalha em parceria com as indústrias locais para a formação de trabalhadores qualificados, e com os conhecimentos necessários para suprir as suas necessidades. Por este motivo, os programas de Chemical Production (diploma de 2 anos) e Power Engineering (advanced diploma de 3 anos) são muito disputados e famosos em todo o país.

 

Os alunos do Lambton College têm a oportunidade de aprender com os mesmos equipamentos utilizados na indústria. Quando são contratados pelo mercado, muitas vezes não necessitam passar por uma longa fase de treinamento e aprendizagem no novo emprego, já sendo capazes de atuar com alta performance desde o início de suas carreiras.

 

A Lorena Solis, International Recruitment – Latinamerica Coordinator, recebeu Daniela e Jéssica e apresentou toda a estrutura da escola.

 

O departamento internacional fica em Sarnia, e uma de suas principais preocupações está em fazer o possível para garantir a adaptação, o bem-estar e o sucesso do aluno internacional no Canadá.

 

O college oferece, além da esperada estrutura com bibliotecas, laboratórios, salas de estudo, cafeterias e restaurantes, muitas outras facilidades e atividades para promover o bem-estar e a integração dos estudantes canadenses e internacionais. Os alunos contam com quadras de esporte, academia, sala de massagem, sala de lazer com sinuca e ping-pong. O college se orgulha do time profissional de basquete – o Lambton College Lions, e do time que compete em jogos online – o Videogame Lambton Team – que utiliza a tecnologia de ponta oferecida pelo college a todos os alunos.

 

Nos momentos de concentração nos estudos, o extenso acervo da biblioteca, computadores atualizados com as mais novas tecnologias, aplicativos para celular e cabines de estudo individuais são excelentes ferramentas à disposição dos alunos.

 

Depois de saber de tudo isto, fica difícil não se interessar pelo Lambton College e por Sarnia. Mas tem ainda mais um excelente motivo que guardamos pro final: Sarnia está a 3 horas de Toronto, mas a apenas 1 hora de Detroit, nos EUA. É muito comum que os habitantes de Sarnia atravessem a fronteira para fazer compras ou para pegar vôos. Em geral se consegue vôos mais baratos chegando ou partindo do aeroporto de Detroit, pois o mesmo funciona como um hub da Delta Airlines – há uma farta oferta de vôos internacionais e regionais neste aeroporto, e por consequência, uma maior probabilidade de conseguir boas promoções!

 

Lembre-se: as regras do ETA (autorização eletrônica para pessoas viajando para o Canadá) não são muito claras a respeito das pessoas que cruzam a fronteira terrestre entre Estados Unidos e Canadá. Então, para evitar problemas desnecessários, recomendamos que você tenha visto de múltiplas entradas para os dois países.

 

Bora fazer as malas para Sarnia? A Go Tour leva você!

 

Jéssica e Dani em um dos pontos turísticos mais famosos de Sarnia

Jéssica e Daniela com nossa anfitriã Lorena Solis

Student Administrative Council – a disposição dos alunos e do time de games

Vista externa do college

Laboratório

Laboratório

Biblioteca e cabines individuais para estudo

Quadra de esportes

cadastre-se e receba a nossa newsletter

* = campo obrigatório

Quer viajar conosco?

Entre em contato

Rio de Janeiro
Avenida Nossa Senhora de Copacabana 330
Salas 607 e 608 - Copacabana
Tel: +55 21 3442-3240