O Índice de Percepções da Corrupção é um relatório feito anualmente pela organização alemã Transparência Internacional onde identifica os países onde a corrupção não domina os noticiários. O relatório avalia a reputação dos políticos, a independência do poder judiciário, liberdade de imprensa e a eficiência dos gastos governamentais. Veja agora três países onde esses parâmetros são considerados de alta qualidade pela Transparência Internacional.

 

Dinamarca e Nova Zelândia

Empatados em primeiro lugar no ranking da transparência em 2017, os dois países tem muitos exemplos a seguir. A Dinamarca é considerada um dos países mais felizes do mundo, e reúne reúne cartões-postais como a praça Radhuspladsen, o parque de diversões Tivoli (aberto em 1843) e a Igreja Marmorkirken, do século 18. Já na Nova Zelândia, é um paraíso para quem gosta de belezas naturais, não à toa, a Nova Zelândia emprestou seus cenários grandiosos para os filmes da franquia “Senhor dos Anéis”….

 

Resultado de imagem para nova zelandia

 

Finlândia

Considerado o terceiro país menos corrupto a Finlândia é um país nórdico que fica a Lapônia, terra do Bom Velhinho. Em algumas épocas do ano é possível puxar trenós, se hospedar em hotéis em forma de iglu e admirar as incríveis auroras boreais.

 

Resultado de imagem para finlandia

Hoje vamos até o outro lado do mundo, falar sobre a cidade de Sydney, a maior da Austrália e capital do estado de New South Wales. Localizada a 300 quilômetros da capital da Austrália, Camberra, Sydney fica na costa sudeste do país e foi construída em torno de Port Jackson – onde fica o Sydney Harbour – o que levou a cidade a ser conhecida como “Cidade Porto”.

 

 

Quando falamos de Sydney, duas coisas vêm à cabeça: o Opera House e a Sydney Harbour Bridge, famosos no mundo inteiro pela sua beleza! O Opera House, principal símbolo da cidade, é um teatro de ópera e é conhecido por seu telhado em forma de velas com azulejos brancos. De onde você olhar, independente do ponto, terá uma visualização espetacular e única! Já a Sydney Harbour Bridge foi a primeira a ser construída e foi considerada a ponte de um arco só com o maior vão do mundo! Vale a pena uma visita por lá, que dá até pra ser feita com guia!

 

 

Mas engana-se quem pensa que só tem esses dois pontos turísticos na cidade!! Lá você também encontra o Real Jardim Botânico de Sydney, o Luna Park, Hyde Park, a Torre de Sydney e museus como o Australian Museum (de história natural e antropologia), o Powerhouse (de ciência, tecnologia e design), a Galeria de Arte de Nova Gales do Sul, o Museu de Arte Contemporânea e o Australian National Maritime Museum.

 

 

Se você se preocupa com meios de transporte pra se locomover entre um lugar e outro, relaxe! Sydney conta com um completíssimo sistema de transportes, alternando ônibus, trem, monorail, túneis subterrâneos, pontes, e largas avenidas. Transporte não é problema por ali!

 

Agora… se você, além de passear, ainda quiser aproveitar pra ir pra balada… tem que conhecer Kings Cross, uma das áreas mais badaladas de Sydney, com dezenas de acomodações , bares, boates e restaurantes de todos os tipos!!!

 

Agora é só marcar sua viagem e aproveitar!

 

 

Se você acha que já viu de tudo ao redor do mundo a National Geographic vai te provar que não. Confira a lista feita pela revista dos museus com conjuntos de coisas raras, mas neste caso, raras e estranhas.

 

1-  Museu Momofuku Ando Instant Ramen – Osaka, Japão
 

Se você é daquelas pessoas que AMAM miojo, esse lugar vai ser seu paraíso. O museu conta a história do prato e do seu fundador  Momofuku Ando. O macarrão instantâneo se popularizou tanto que é um dos alimentos mais consumidos no mundo inteiro, os visitantes terão a oportunidade de conhecer a história surpreendente do Cup Noodles, desde o Chicken Noodle, o primeiro macarrão instantâneo que deu origem à todos os tipos que temos hoje.

 

 

2- Museu do Espião – Washington, Estados Unidos
 

Quem nunca quis ser James Bond por um dia? Museu Internacional de Espionagem é o lugar para dedicado todos os mistérios que envolvem a vida de um espião, o local explora equipamentos high-tech, famosos casos de espionagem, métodos secretos e as consequências não tão agradáveis ​​de ser uma pessoa misteriosa internacionalmente.

 

Resultado de imagem para museu do espião

 

3- Museu Subaquático de Arte (MUSA) – Cancun, México
 

O Museu abriga uma série de mais de 450 esculturas que foram submersas no oceano e criaram vida própria: corais, esponjas e peixes tomaram conta de bustos antigos, pianos, pratos, copos … O responsável pelas obras é o artista inglês Jason deCaires Taylor que passou sua infância explorando os recifes de corais da Malásia, o que pode explicar seu fascínio pelo mar.

 

Resultado de imagem para museu subaquático

 

4- Museu Fálico da Islândia – Reykjavik, Islândia
 

Não, não! Você não leu errado, existe sim um museu dedicado ao órgão reprodutor masculino existentes entre diferentes espécies de animais e todos os formatos humanos. Sigurður Hjartarson, fundador do Museu, quando pequeno recebeu um pizzle (pênis de touro), usado como chicote em outros animais e depois de então começou a colecionar pênis de diversas espécies.

 

Resultado de imagem para museu falico islandia

 

Parece criação do homem, conseqüência de desastre natural causado pelo vazamento de algum produto químico, ou miragem mesmo. Mas não, é real e é natural mesmo. Trata-se do Lago Hillier, localizado no arquipélago de Recherche, no Oeste da Austrália. As águas do lago são, simplesmente, rosa. Naturalmente rosa.

 

A imagem faz cair o queixo de qualquer um – até mesmo de biólogos e cientistas que, até hoje, ainda não conseguiram provar a causa definitiva da cor do lago. Estudos mostram que o mais provável é que o tom rosa seja causado pela presença das algas Dunaliella salina e Halobacterium, mas ninguém conseguiu ainda comprovar a teoria.

 

 

 

-lake-hillier-lake

Lake-Hillier-

S

 

 

Por enquanto, a única certeza que temos é que o visual do Lago Hillier é um deslumbramento da natureza.

 

Absolutamente incrível!

 

cadastre-se e receba a nossa newsletter

* = campo obrigatório

Quer viajar conosco?

Entre em contato

Rio de Janeiro
Avenida Nossa Senhora de Copacabana 330
Salas 607 e 608 - Copacabana
Tel: +55 21 3442-3240